H2A-H2B - Temporary Working Program (Português)

Os vistos H2A e H2B são uma ótima opção de visto para quem quer trabalhar nos EUA em empregos temporários, sazonais e divertidos em todo o país. A Jobs & Visas USA uma pltaforma de vagas de trabalho para os USA de empregadores SPONSOR, com intencao de tornarem-se sponsors, ou o processo de aprovacoes junto ao sistema laboral americano (DOL). A plataforma tambem oferece gratuitamente a disponibilizacao de curriculo em Ingles de trabalhadores internacinais em busca de trabalho temporario ou permanente LEGAL nos USA.

Tipos de trabalhos para H2B:

Hospitalidade, parques temáticos e diversões, em restaurantes, instrutor de atividades recreativas, empregada doméstica, cozinheiros, construtores, paisagistas, processadores de alimentos e frutos do mar e muitos outros - Inúmeras áreas que possa interessar à você.

Tipos de trabalhos H2A:

Todos os trabalhos relacionados à agricultura, e atividades rurais em fazendas, entre outras. Ideal para quem gosta da vida no campo. 

Todas as despesas relacionadas aos programas H2A e H2B (viagens e vistos) são pagas ou reembolsadas pelo empregador. Inclusive não há taxas de recrutamento.

Você pode fazer parte do nosso site GRATUITAMENTE, cadastrando, postando um bom currículo em inglês, com uma foto recente e, até mesmo, criando um VÍDEO CURRÍCULO para tornar o seu perfil mais profissional e assim, aumentando suas chances de contratação. NOSSO SISTEMA ACEITA SOMENTE POSTAGENS DE CURRÍCULOS PROFISSIONAIS. O serviço Gratuito é para o currículo ficar visível para os empregadores e recrutadores dos EUA e candidatar-se as vagas diretamente.  

  

O processo e os requisitos do visto H2A – H2B:

1) O empregado (candidato ao emprego) deve primeiro ter uma oferta de trabalho de um empregador nos EUA para realizar um trabalho temporário;
2) O empregado deve atender as qualificações mínimas para o trabalho ofertada pelo  empregador;
3) O empregador nos EUA envia a inscrição H2A - H2B ao Departamento de Imigração dos EUA (formulário I-129);
4) O empregado deve ter a intenção de voltar para casa quando o trabalho terminar e o visto expirar. O empregado é entrevistado em seu país de origem para receber o visto. O empregador pode contratar detentores de vistos válidos para não imigrantes nos EUA, desde que eles paguem para solicitar a aprovação do I-129 para quem ele está contratando. O H2A ou H2B concede ao trabalhador o direito de AJUSTAMENTO DE STATUS para PERMANENTE desde que haja uma oferta permanente de trabalho e o empregador, já CERTIFICADO, para importar mão de obra permanente com direito ao Green Card (EB-2 e EB-3).

Quem se qualifica para um visto H2A - H2B:
Países a serem elegíveis para participar no programa de trabalhadores não-imigrantes H-2A:
Andorra, Argentina, Austrália, Áustria, Barbados, Bélgica, Brasil, Brunei, Bulgária, Canadá, Chile, Colômbia, Costa Rica, Croácia, República Tcheca, Dinamarca, República Dominicana, Equador, El Salvador, Estônia, Fiji, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Granada, Guatemala, Honduras, Hungria, Islândia, Irlanda, Israel, Itália, Jamaica, Japão, Quiribáti, Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Macedônia, Madagascar, Malta, México, Moldávia, Mônaco, Mongólia, Montenegro, Moçambique, Nauru, Holanda, Nova Zelândia, Nicarágua, Noruega, Panamá, Papua Nova Guiné, Paraguai, Peru, Polônia, Portugal, Romênia, Samoa, San Marino, Sérvia, Cingapura, Eslováquia, Eslovênia, Ilhas Salomão, África do Sul, Sul Coreia, Espanha, São Vicente e Granadinas, Suécia, Suíça, Taiwan, Tailândia, Timor-Leste, Tonga, Turquia, Tuvalu, Ucrânia, Reino Unido, Uruguai e Vanuatu.

Países qualificados para participar do programa de trabalhadores não imigrantes H-2B: Andorra, Argentina, Austrália, Áustria, Barbados, Bélgica, Brasil, Brunei, Bulgária, Canadá, Chile, Colômbia, Costa Rica, Croácia, República Tcheca, Dinamarca, Equador, El Salvador, Estônia, Fiji, Finlândia, França, Alemanha, Grécia Granada, Guatemala, Honduras, Hungria, Islândia, Irlanda, Israel, Itália, Jamaica, Japão, Quiribáti, Letônia, Lichtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Macedônia, Madagascar, Malta, México, Mônaco, Mongólia, Montenegro, Moçambique, Nauru, Holanda, Nova Zelândia, Nicarágua, Noruega, Panamá, Papua Nova Guiné, Peru, Polônia, Portugal, Romênia, Samoa, San Marino, Sérvia, Cingapura, Eslováquia, Eslovênia, Ilhas Salomão, África do Sul, Coréia do Sul, Espanha, São Vicente e as Granadinas, Suécia, Suíça, Taiwan, Tailândia, Timor-Leste, Tonga, Turquia, Tuvalu, Ucrânia, Reino Unido, Uruguai e Vanuatu.

Os vistos só estão disponíveis para trabalhos de natureza temporária. Significado:
- Necessidade sazonal recorrente;
- Necessidade intermitente;
- Necessidade de momentos de pico; e
- Ocorrência única.

H2A - H2B Duração do visto:
A duração do H-2A - H2B é limitada à necessidade do empregador para os trabalhadores temporários. O período máximo autorizado é de 10 meses. Em média, os contratos duram entre 6 e 8 meses. No entanto, o empregador pode prolongar a duração até três anos em algumas situações.

Se o trabalhador em perspectiva estiver fora dos EUA, ele deverá solicitar um visto no devido consulao ou embaixada americana.

O pedido de visto H2A - H2B inclui:
- Oferta de emprego de um empregador nos EUA
- DS-156, pedido de visto de não-imigrante
- DS-157 se masculino entre as idades de 16 e 45 anos
- As taxas de depósito necessárias
- Cópia do Aviso de Aprovação da Petição H2A – H-2B (I-797 NOTICE OF ACTION)
- Passaporte
- Uma foto estilo passaporte
- Evidências de vínculos com o país de origem (família, propriedade, ocupação atual, etc.) Assim como qualquer outro visto de não imigrante, o Consulado precisa verificar se cada candidato tem vínculo com o país para que ele volte para casa após o visto. e quando o período de trabalho termina.

Se o trabalhador em potencial já está nos EUA e está mudando de um status de não-imigrante para outro, o visto não é necessário. No entanto, o empregador deve estar disposto a fazer todos os pagamentos relacionados à consultoria de imigração e às taxas do USCIS formulario I-129. Se o trabalhador deixar os EUA e quiser entrar novamente, eles podem precisar de um visto.

Entrada nos EUA

Os candidatos devem estar cientes de que um visto não garante a entrada nos Estados Unidos. O oficial no porto de entrada tem autoridade para negar a admissão, mesmo que o solicitante tenha visto. Além disso, o oficial no porto de entrada, não o funcionário consular, determina o período durante o qual o portador de visto de trabalho temporário está autorizado a permanecer nos Estados Unidos. No porto de entrada, as autoridades emitem o Formulário I-94, Registro de Chegada-Partida, que indica a duração da estada permitida. A decisão de conceder ou negar um pedido de prorrogação de permanência, no entanto, é feita exclusivamente pelo USCIS.

Ligue ou nos escreva e marque um horário para atendê-lo em nosso escritório. Necessita nossa consultoria e peparacao de seu portflio e apresentacoes aos empregadores americanos? Adquire nossa assessoria aqui: BAIXAR APLICACAO DE CONSULTORIA


4000 Hollywood Blvd. Suite 555-S Office 507
Hollywood, FL 33021
+1 (305) 968-3326
Office: +1 (954) 843-3520 (Mon-Fri / 9am-5pm)